Programação de eventos do CAM-CCBC faz sucesso no ambiente virtual

Nos dois meses desde o início da disseminação da Covid-19 no Brasil, o Centro já realizou sete eventos em ambiente virtual

 Por Sérgio Siscaro

O CAM-CCBC sempre teve como uma de suas missões estimular a discussão e estudo dos mecanismos adequados de resolução de controvérsias (ADRs) por meio da promoção de eventos, reunindo palestrantes especializados em diversos temas correlatos.

Com a pandemia do novo coronavírus e a limitação de movimentação resultante do afastamento social, o Centro rapidamente adaptou sua programação acadêmica para o ambiente virtual. Por meio de webinars, os debates acontecem digitalmente, de forma segura e sem perder seus principais atributos: a discussão de temas relevantes e a possibilidade de interação dos participantes.

Os sete webinars realizados entre abril e maio (veja relação abaixo) não apenas possibilitaram a continuidade da programação de eventos do CAM-CCBC dirigidos às comunidades envolvidas com ADRs, mas também ampliaram o alcance dessas iniciativas. “Os webinars vêm tendo muito sucesso, e, por meio deles, temos conseguido atingir mais pessoas. O evento Covid-19 e a Imprevisão, que contou com a participação da Presidente do Centro, Eleonora Coelho, e de autoridades do Direito Privado, teve cerca de 1.500 inscritos”, afirma a Assessora de Desenvolvimento Institucional do CAM-CCBC, Lenora Hage.

Ela salienta que o apoio direto da equipe de Tecnologia da Informação (TI) facilitou o processo de transição dos eventos para o ambiente virtual. “Nossa equipe de TI acompanha todos os webinars e são fundamentais no processo de organização desses eventos. Também são realizadas simulações prévias com os palestrantes para teste das funcionalidades da plataforma digital e conexão.” Os vídeos são disponibilizados posteriormente no canal do YouTube (https://www.youtube.com/channel/UC4zEYz-SC_EEBjiKS2Qj_Ng).

Preocupação social

A realização dos webinars também permitiu ao Centro estimular a realização de doações a instituições sociais – iniciativa essencial em um momento como o atual. No início de cada um dos eventos, que são gratuitos, é divulgada a atuação de uma instituição idônea por um dos integrantes do CAM-CCBC.

“Estamos muito contentes com a receptividade da iniciativa. Recebemos feedbacks diretamente das instituições, com a notícia de que foram feitas muitas doações. Consciente do seu papel social, o CAM-CCBC pretende continuar com essa e outras ações solidárias”, ressalta.

Nova tendência

De acordo com Hage, o sucesso da experiência tem levado o Centro a adaptar eventos que haviam sido concebidos como presenciais para o meio digital. Para tanto, o CAM-CCBC produziu um novo fluxo de operações internas, que envolve as equipes de TI, desenvolvimento institucional, marketing e eventos, além da direção do Centro, para organizar os eventos digitais – que deverão continuar após a pandemia.

“Nós organizamos um webinar internacional, que contou com palestrantes estrangeiros, e muitas instituições mundo afora também estão organizando eventos digitais. É difícil prever o futuro, mas os eventos online apresentam diversas vantagens e devem ganhar cada vez mais espaço”, complementa.

Conteúdo relevante

Ao longo dos meses de abril e maio, a programação de webinars promovidos pelo Centro foi bastante ampla, e trouxe aos participantes um conteúdo valioso.

Foram debatidos temas relacionados à situação atual, como o webinar Mediação online, que tratou de aspectos práticos da mediação realizada por canais remotos; a Covid-19 e a Imprevisão, no qual se debateram os impactos contratuais da pandemia no Direito brasileiro.

O grupo de jovens New Generation do CAM-CCBC também promoveu evento tratando de diferentes perspectivas sobre a Covid e ADRs e personalidades como Marike Paulsson e Stefan Kröll falaram da Covid e a arbitragem internacional em um quarto evento.

O webinar Pandemia e contratos de infraestrutura recebeu grandes juristas, que trataram dos impactos da crise sanitária sobre esses contratos. A Presidente Eleonora Coelho e o Vice-Presidente Rodrigo Garcia da Fonseca participaram de outro webinar, debatendo o que mudará para a arbitragem quando a pandemia acabar.

Por fim, o primeiro evento que havia sido programado para ser presencial e foi convertido em remoto foi o Responsabilidade de administrador e acionista controlador, organizado em parceria com o Instituto de Direito Societário Aplicado (IDSA).

Conheça também a
X