Eventos e oportunidades no setor de alimentos e bebidas

Café, caju e babaçu

Eles estão entre os produtos que podem gerar grandes oportunidades de negócios para empresas do Brasil e do Canadá. Enquanto o café dispensa apresentações, há itens genuinamente brasileiros que nem sempre aparecem nas manchetes, mas aparecem no radar da CCBC.

 

O babaçu, por exemplo, é uma palmeira encontrada em áreas de caatinga, cerrado e na Amazônia. Seu fruto pode virar uma farinha de alto valor nutritivo, com ação anti-inflamatória e uso na indústria de suplementos alimentares. O óleo de babaçu é extraído das amêndoas no interior do fruto e usado como matéria-prima na fabricação de cosméticos.

 

A árvore foi um dos destaques apontados pelas equipes da CCBC no Encontro Internacional de Negócios do Nordeste, realizado este ano em Fortaleza pelo Sebrae, nos dias 12, 13 e 14 de novembro. Outro produto que mereceu a atenção das equipes foi uma bebida fermentada à base de caju, com um processo produtivo semelhante ao vinho, de sabor adocicado e com propriedades digestivas. Além de alimentos, bebidas e cosméticos, o Encontro apresentou novidades no setor de moda praia.

 

O café não pode faltar

Em Belo Horizonte, a CCBC marcou presença na Semana Internacional do Café, um evento que reúne apreciadores e toda a cadeia produtiva do grão, promovendo o produto nacional. “Há alguns anos, íamos tomar bons cafés na Europa. Hoje os cafés brasileiros estão no mundo inteiro, com garantia de origem, terroir e certificações”, disse o presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae Minas, Teodomiro Diniz Camargos, por meio da assessoria de imprensa do evento.

 

O encontro, realizado entre os dias 7 e 9 de novembro, contou com mais de 160 expositores, mais de 300 compradores internacionais, 400 amostras para a escolha do café campeão do ano e 140 baristas de 60 países. Na edição deste ano, o Brasil recebeu pela primeira vez campeonatos mundiais de café.

Conheça também o
X