Startup Moby cresce 100% e quer expandir inovação logística para o exterior

Com faturamento estimado em R$ 50 milhões este ano, a startup Moby, que desenvolveu uma solução inovadora para agilizar a logística, rastreando em tempo real o transporte de cargas no Brasil, se prepara para alçar novos voos e expandir os negócios para o exterior.

O primeiro país escolhido para esta nova empreitada foi o Canadá. Para isso, a startup vai contar com o apoio do Brasil Hub, plataforma de internacionalização da Câmara de Comércio Brasil-Canadá (CCBC). Por meio da parceria, a empresa iniciará suas operações no país já com apoio e infraestrutura completos para registrar a marca, operar e navegar em um rico networking desse ecossistema. 

Referência em inteligência logística, a startup, criada em outubro de 2017, sediada em Campinas, pelos sócios Renato Carreira e Eduardo Barradas, faturou no ano passado R$ 37,6 milhões, mais do que o dobro dos R$ 18 milhões obtidos em 2021. Para este ano, a receita deve somar R$ 50 milhões, expandir a R$ 75 milhões em 2024 e, em 2025, chegar a R$ 100 milhões, com crescimento de 100% em dois anos.

No entendimento dos sócios da Moby, os negócios da empresa se consolidaram no mercado interno, principalmente no decorrer da pandemia de covid-19. “Começamos com dois colaboradores e os dois sócios e hoje tempos 300 colaboradores”, orgulha-se Carreira.  

De acordo com Barradas, este é o momento certo para startup expandir os negócios para o exterior. “O planejamento faz parte de nosso DNA. Gostamos de planejar e de nos preparar de forma estruturada para fazer as nossas ações; e procuramos a CCBC para que possamos dar nosso primeiro passo”.

A carteira de clientes da startup – iniciada com um cliente do agronegócio – hoje abrange todos os ramos econômicos, passando por empresas de alimentação, bebidas e distribuição de combustíveis.  “Hoje 60% da logística do combustível do País e 20% da cerveja passam pelas mãos da Moby”, revela Carreira. “A nossa meta agora é expandir as fronteiras da Moby, porque a nossa tecnologia serve para o Brasil e para o mundo.”

Mais informações em http://mobyweb.agileprodutora.com.br/

*Fonte: Moby